PIS/PASEP: Conheça tudo sobre

O PIS-Pasep 2020-2021 será pago a partir do dia 15 de setembro aos trabalhadores que fizerem jus ao benefício de nascimento setembro (PIS) ou benefício final 2 (Pasep). Esta data vale para os trabalhadores que não sejam correntistas da Caixa ou do BB – para estes, o dinheiro foi creditado diretamente na conta.

Para PIS (Trabalhadores do Setor Privado), o pagamento será feito com base no mês de nascimento do trabalhador. No Pasep (para servidores públicos), acompanhe o número final de benefícios. Só no PIS, mais de 734 mil trabalhadores nascidos em setembro têm direito a retirar benefícios, com um recurso total de 567 milhões de reais

Quer saber mais sobre o PIS/PASEP? Confira esse vídeo para ficar por dentro de todos os detalhes: CALENDÁRIO DE PAGAMENTO PIS

Confira este artigo relacionado: Saque aniversário: É possível antecipar parcelas?

Calendário de pagamentos do PIS/PASEP

O calendário PIS 2020 de recebimento leva em consideração o mês de nascimento dos trabalhadores do setor privado e o número de registro final dos servidores. O PIS aplica-se aos trabalhadores do setor privado e é pago pela Caixa Econômica Federal. O Pasep é pago aos servidores públicos por meio do Banco do Brasil.

Os nascidos entre julho e dezembro (PIS) ou com inscrição final entre 0 e 4 anos (Pasep) receberão subsídio em 2020. Os que nasceram entre janeiro e junho e se matricularam entre 5 e 9 anos receberão subsídio. A qualquer momento no primeiro semestre de 2021, em qualquer hipótese, os trabalhadores podem utilizar o recurso até 30 de junho de 2021, data limite para aceitação.

Até o final de 2020/2021, a Caixa disponibilizará cerca de 15,8 bilhões de reais para mais de 20,5 milhões de beneficiários do PIS. O valor do abono varia de R $ 88 a R $ 1.045, dependendo do horário oficial de trabalho em 2019.

Qual o valor e quem tem direito ao PIS/PASEP?

Com base na quantidade de meses de trabalho do ano base 2019, o valor do abono salarial varia de R $ 88 a R $ 1.045. Somente aqueles que trabalharam nos 12 meses anteriores a 2019 receberão o bônus integral.

Você tem direito a um abono salarial. Em média, ele pode receber pelo menos dois meses de salário-mínimo com carteira assinada em 2019 e exercer atividades remuneradas por pelo menos 30 dias. Você ainda deve participar do PIS / Pasep há pelo menos cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na lista anual de informações sociais.

Dados atrasados

Para os trabalhadores que possuem os dados declarados na “RAIS” de 2019 que estão vencidos, mas não estão disponíveis até 30 de setembro de 2020, conforme calendário PIS 2020 e 2021 de pagamento, começaram a receber benefícios a partir de 4 de novembro de 2020.

O empregador que enviar o certificado de formalização após 30 de setembro a 12 de junho de 2021 só o receberá no calendário PASEP no próximo ano.

Para saber se tem direito e como sacar

Para sacar o abono do PIS, o trabalhador que possuir Cartão do Cidadão e senha cadastrada pode se dirigir aos terminais de autoatendimento da Caixa ou a uma casa lotérica. Se não tiver o Cartão do Cidadão, pode receber o valor em qualquer agência da Caixa, mediante apresentação de documento de identificação.

Informações sobre o PIS também podem ser obtidas pelo telefone 0800-726-02-07 da Caixa. O trabalhador pode fazer uma consulta ainda no site www.caixa.gov.br/PIS, em Consultar Pagamento. Para isso, é preciso ter o número do NIS (PIS/Pasep) em mãos.

Consultar PIS 2020 na Agência da Caixa

É uma forma muito tradicional de perguntar sobre o subsídio, mas é a que mais exige do trabalhador porque ele tem que ir até a agência e fazer fila. No entanto, se desejar, pode dirigir-se à agência da Caixa mais próxima e consultar os seguintes documentos:

  • Número do PIS
  • Documento com foto (RG, CTPS ou CNH)

Vá até um balcão de informações e faça sua consulta do PIS.

Consultar PIS pelo Aplicativo Caixa Trabalhador

Com a comodidade da tecnologia, você pode consultar o PIS com alguns toques, acessar informações sobre salário do PIS / Abono e seguro-desemprego, ver cronogramas de pagamentos, ver parcelamentos publicados, confirmar pagamentos e conferir seu saque. Usando o aplicativo para consultar PIS/PASEP, simples, descomplicado e seguro.

Se tiver dúvidas, você pode consultar as “Perguntas Frequentes” sobre cada benefício no aplicativo. E, com a ajuda do mapa, localiza a Caixa mais próxima de você.

Deixe um comentário